Clube Adega

Platinum

 

 

 

Mediterra 2012

Allegrini, Toscana, Itália (Inovini).

AD 91 pontos

Poggio al Tesoro é o projeto da Allegrini na Toscana, onde é elaborado este tinto a partir de uvas 40% Syrah, 30% Merlot e 30% Cabernet Sauvignon, advindas de Bolgheri, com estágio de 8 meses em barricas de carvalho de segundo uso. Esbanja aromas de ameixas e amoras seguidos de notas florais, herbáceas e especiadas, além de toques defumados e de tabaco. Estruturado e potente, tem acidez refrescante e taninos de boa textura, que trazem sustentação a toda sua fruta. O seu final é persistente e agradável, convidando a mais um gole, de preferência escoltando massas ao molho de funghi ou à  base de embutidos. Álcool 13,7%. EM

Alma Grande Reserva 2011

Enoport, Douro, Portugal (Domno).

AD 92 pontos

Tinto elaborado majoritariamente a partir de Touriga Nacional e pequenas partes de Touriga Franca e Tinta Roriz, com estágio de 9 meses em barricas novas carvalho francês. Um excepcional exemplo da região do Douro e como essas tradicionais uvas produzem grandes vinhos. Apesar de ainda se mostrar jovem, os aromas florais da Touriga já começam a aparecer, além de agradáveis notas de amoras. Na boca, a juventude do vinho também reaparece, mas deixando claro seu grande potencial de envelhecimento, com seus taninos perfeitamente trabalhados e uma acidez vívida, que se percebe por traz de sua excelente estrutura. Está ótimo agora, mas ainda pode ser guardado por 5 anos para que atinja toda sua plenitude. Álcool 13,5%. MSL

Marqués de Murrieta Reserva 2012

Marqués de Murrieta, Rioja, Espanha (World Wine).

AD 92 pontos 

Tinto composto de 94% Tempranillo, 4% Mazuelo, 1% Graciano, 1% Garnacha, com estágio de 21 meses em barricas de carvalho americano, sendo 8 meses em carvalho novo. Complexo e elegante nos aromas, mostra cerejas e framboesas envoltas por notas florais, de ervas e de especiarias doces, além de toques de alcaçuz. Redondo, estruturado e refrescante, tem vibrante acidez, muito equilíbrio, taninos de ótima textura e final longo e persistente, com toques de frutas vermelhas ácidas. Álcool 14%. EM



Gran Gold

 

 

 

Mas Martinet Marer 2014

Mas Martinet, Montsant, Espanha (Grand Cru).

AD 90 pontos

Tinto composto de 60% Garnacha, 20% Syrah, 10% Merlot e 10% Cabernet Sauvignon, com estágio de 14 meses em tonéis usados de carvalho e em tanques de concreto. Mostra aromas cativantes de cerejas, amoras e cassis envoltos por notas florais, minerais e de ervas. Agradável de beber, esbanja fruta fresca acompanhada de gostosa acidez, taninos de ótima textura e final carnudo e persistente, que pede mais um gole. Álcool 14,5%. EM

Chianti Del Barone 2015

Barone Ricasoli, Toscana, Itália (Inovini).

AD 90 pontos

Elaborado majoritariamente a partir de Sangiovese e mais outras castas complementares, com breve estágio de 10% do vinho em barricas e tonéis de carvalho. Notas herbáceas e florais envolvem os aromas cativantes de cerejas, depois aparecem toques de especiarias. No palato, é suculento, frutado, tem ótima acidez, taninos de boa textura e final médio. Mostra um estilo de mais corpo e volume, mantendo a tipicidade da Sangiovese, sua boa "rusticidade" e veia gastronômica. Definitivamente, para as massas ao molho de tomates.  Álcool 13%. EM

Cordillera Reserva Especial Vigno Carignan 2013

Miguel Torres, Maule, Chile (Devinum).

AD 92 pontos

Tradicional e renomada vinícola espanhola, Miguel Torres está no Chile desde 1979 e elabora este tinto exclusivamente a partir de uvas Carignan advindas de vinhedos sem irrigação (secano) e de mais de 50 anos de idade. Vinho delicioso, cheio de frescor, mostrando morangos, cerejas e folhas de tomate, além de toques florais e balsâmicos. Chama atenção pelo final mais profundo, com cativantes toques de frutas vermelhas ácidas. Equilíbrio é a palavra que o define. Álcool 14%. CB



Brancos

 

 

 

Broglia La Meirana Gavi 2015

Broglia, Piemonte, Itália (Grand Cru).

AD 90 pontos

Broglia é um dos mais tradicionais produtores da região de Gavi e este branco, ícone da casa, é elaborado exclusivamente a partir de uvas Cortese di Gavi advindas de Meirana, sem passagem por madeira. Fresco, seco e vibrante, mostra as típicas notas de frutos secos que acompanham os aromas de frutas cítricas, além de notas florais e de ervas frescas. Frutado, tem bom volume, gostosa textura, boa acidez e final persistente, com toques minerais, de amêndoas e de limão e de lima-da-pérsia. Álcool 13%. EM

Vitiano Bianco 2014

Falesco, Umbria, Itália (Winebrands).

AD 90 pontos

A marca Vitiano foi lançada há mais de 15 anos pelos renomados irmãos Riccardo e Renzo Cotarella. Branco composto de 50% Vermentino e 50% Verdicchio, duas das uvas típicas da Umbria, sem passagem por madeira. Consistente safra após safra, o que chama atenção neste branco é a qualidade de sua fruta branca e de caroço, bem como sua mineralidade. De boa estrutura, tem gostosa textura, acidez refrescante e final gostoso, com toques salinos e cítricos. Álcool 13,3%. EM

Terraços do Tejo Branco 2015

Casal da Coelheira, Tejo, Portugal (Viníssimo).

AD 88 pontos

Branco elaborado exclusivamente a partir de Fernão Pires, sem passagem por madeira. Surpreende pela qualidade de frutas cítricas e pelo bom volume de boca do conjunto. Tem acidez refrescante, gostosa textura e final agradável, com toques salinos e de limão siciliano. Gostoso de beber, deve ir bem na companhia de pescados e queijos frescos de cabra. Álcool 13,5%. EM



Gold

 

 

 

Sutter Home Cabernet Sauvignon 2012

Sutter Home, Califórnia, Estados Unidos (Cantu).

AD 89 pontos

Tinto composto de 93% Cabernet Sauvignon, 4% Merlot e 3% Cabernet Franc, com breve estágio de 4 meses em carvalho francês e americano. Muito bem feito em seu estilo de frutas vermelhas mais maduras, com gostosa acidez e taninos de boa textura, que trazem equilíbrio e sustentação ao conjunto. Sedutor, gostoso de beber e fácil de agradar, é companhia ideal para fraldinha na brasa. Álcool 13,9%. EM

La Compañia Reserve Syrah 2015

Viña La Ronciere, Colchagua, Chile (Casa do Porto).

AD 90 pontos 

Tinto elaborado exclusivamente a partir de Syrah, com estágio de 12 meses, metade em barricas de carvalho francês e a outra metade em tanques de aço inoxidável. Redondo e suculento, mostra ameixas maduras escoltadas por notas florais, de especiarias, de frutos em compota e de chocolate, além de toques terrosos e de couro. Tem taninos macios, boa acidez e final cheio, confirmando o nariz. Para os queijos curados e carnes vermelhas ensopadas. Álcool 13,5%. EM

Tercos Bonarda 2015

Bodega Tercos, Mendoza, Argentina (Premium).

AD 90 pontos

Projeto de Ricardo Santos e seus filhos. Ricardo é uma  lenda viva do vinho argentino, foi proprietário da Bodegas Norton e o primeiro a exportar vinhos para os Estados Unidos, na década de 1970. Tinto 100% Bornarda, sem passagem por madeira. Esbanja cerejas e ameixas, bem como notas florais, terrosas e herbáceas. Frutado e de corpo médio, tem taninos sedosos, acidez na medida e final carnudo, pedindo a companhia de pizzas que levem embutidos. Álcool 13,7%. EM



Silver

 

 

 

Nauta Tinto 2015

Adega Cooperativa Vidigueira, Alentejo, Portugal (Winebrands).

AD 88 pontos

Tinto composto de Aragonez, Trincadeira e Alicante Bouschet, sem passagem por madeira. Num estilo jovial, frutado e cheio de frescor, mostra notas florais e de ervas, que acompanham os aromas de ameixas e amoras. De médio corpo, tem bom volume, acidez na medida, taninos macios e final com toques minerais. Versátil, fica ainda melhor se servido um pouco mais frio, em torno de 14ºC. Álcool 13%. EM

 

Catamayor Tannat 2015

Castillo Viejo, San Jose, Uruguai (La Pastina).

AD 89 pontos

Pertencentes à 3ª geração da família, Edgardo, Ana e Alejandro Etcheverry são os responsáveis por elaborar este tinto exclusivamente a partir de uvas Tannat advindas de San Jose, sem passagem por madeira. Apresenta aromas de frutas vermelhas e negras frescas, notas florais e de especiarias doces, além de toques terrosos e defumados. Frutado e encorpado, mostra a cepa sem maquiagens, com sua acidez vibrante e taninos que pedem comida. Álcool 12,5%. EM

Aurora Reserva Tannat 2015

Aurora, Serra Gaúcha, Brasil.

AD 89 pontos

Tinto elaborado exclusivamente a partir de Tannat, com estágio de 10 meses em barricas de carvalho francês e americano. De boa tipicidade, mostra ameixas e cassis, além de notas florais e defumadas, que se confirmam na boca. Estruturado, frutado e saboroso, tem gostosa acidez, ótima textura de taninos e final potente e de volume, que exige a companhia de bife ancho grelhado. Álcool 12,5%. EM


alguma dúvida?


Revista Adega e INNER Editora

A revista ADEGA é a maior revista de vinhos do Brasil. Em 10 anos de vida degustamos dezenas de milhares de vinhos para indicar os melhores mensalmente a nossos leitores. Há um ano resolvemos ir além e criar o Clube ADEGA, o verdadeiro clube de cultura do vinho.


Pagamento Seguro

Sua conexão com nosso site é encriptada e autenticada por Let's Encrypt Authority X3 com troca de chave ECDHE_RSA usando AES 128 GCM via TLS 1.2. Os dados de cartão de crédito são transportados encriptados com chaves RSA 2048-bits e não ficam armazenados no site para garantir a segurança de suas transações.


Selecionamos só os melhores

Seguindo nosso compromisso editorial, nossos degustadores não prestam consultoria ou trabalham em importadoras, lojas ou produtores. Tudo para assegurar nossa independência e isenção na escolha dos melhores vinhos.


Concierge Clube Adega

Estamos à disposição para atendê-lo por telefone:

(11) 3876-8200

(das 9:00 às 17:00) ou por e-mail: concierge@clubeadega.com.br